Trilha: Vista Chinesa x Mesa do Imperador – RJ

Hoje é dia de aprender a chegar na Mesa do Imperador partindo de uma trilha bem leve, que sai da famosa Vista Chinesa.

Yoga na Vista Chinesa sem ninguém!

Percurso:

O trecho é curtinho e tem em média 1.6km, apesar de eu e meus amigos termos marcado um pouco mais de 2.1km, o que dá em média uns 30 minutinhos. É ideal para famílias e também tem um dos mirantes mais bonitos da Trilha Transcarioca. A trilha passa por um antigo caminho no meio da floresta que havia sido aberto para dar lugar a uma linha férrea, porém ela nunca foi implantada.

Mesa do Imperador, onde tem um mirante lindo na frente
Atrações:

Por ser curto, o trecho não tem muitos mirantes e as principais atrações estão no início e final da trilha mesmo, a Mesa do Imperador e a Vista Chinesa.

IMPORTANTE: Se o tempo não estiver bom, não vai dar pra ver nada no mirante da Mesa do Imperador e bem pouco no mirante da Vista Chinesa, estejam avisados! (porque ninguém me avisou hahah)Por ser curto, o trecho não tem muitos mirantes e as principais atrações estão no início e final da trilha mesmo, a Mesa do Imperador e a Vista Chinesa.

Como chegar:

Saindo da Vista Chinesa, basta seguir as pegadas pretas com a base amarela, subindo até o platô com escadas de madeira (única parte que acho que deva ter um certo cuidado) e seguir subindo pela trilha na direção da Mesa do Imperador.

Para chegar nesse trecho da Floresta da Tijuca, não há nenhuma linha de transporte público, sendo possível apenas acessá-la a pé pela estrada, de carro/uber/99 ou pela própria Trilha Transcarioca.

Mesa que para fazer piquenique

Para esta trilha, aconselho levar algumas comidinhas pra fazer um bom piquenique, utilizando a mesa redonda (que não é a do Imperador) e apreciando a paisagem verde à frente. Próximo a essa parte, bem no local da Mesa do Imperador, costuma ter sempre viaturas com uns três ou quatro policiais, então achei bem seguro.

Se ainda restar pique depois dessa caminhada e do famoso soninho pós piquenique, dá pra voltar pela estrada até a Vista Chinesa e descer um pouco mais até uma das cachoeiras de água estupidamente gelada, porém muito energizante. Aconselho fortemente esse esforço + descanso recompensado. Ou pra quem tiver de preguiça (carro), é só descer a estrada que a cachoeira estará do seu lado esquerdo. Aproveitem!

E aí, o que acharam? Vale ou não vale a pena esse pedacinho da Floresta da Tijuca?

Para mais informações sobre trilhas: www.instagram.com/tripbruta

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s